LOGO_-_site_-_Memórias_RBMonsalude.pngProjeto Memórias das Terras de Monsalude

     Os concelhos que compõem a Rede de Bibliotecas Terras de Monsalude (RB Monsalude), são fundamentalmente rurais, constituídos por comunidades dispersas no território, cuja população tem vindo a diminuir gradualmente ao longo dos últimos anos, acentuando a desertificação. Trata-se duma região com significativos índices de emigração, acompanhando os fluxos que caracterizam o país e com um gradual e expressivo envelhecimento da população. A destruição provocada pelos recentes incêndios imprimiu neste território uma marca de sofrimento e um vazio que agudiza os efeitos do isolamento que a geografia e a evolução desta região definem. Consciente desta realidade, a RB Monsalude, propõe-se desenvolver um projeto de intervenção, centrado num trabalho de proximidade à população, sobretudo os residentes nas zonas mais afastadas da sede de concelho, bem como as mais afetadas pelos incêndios.

Objetivos:

- Valorizar as populações locais e as suas vivências, promovendo o convívio intergeracional;

- Estabelecer parcerias com instituições que possam colaborar na concretização do projeto, qualificando-o;

- Promover a valorização do património cultural, dando-lhe novas interpretações e utilizações;

- Recolher e preservar os modos de vida e as memórias relacionadas com o trabalho, os divertimentos, as celebrações, as festas, o ensino e a vida social, entre outras;

- Estimular a reflexão em torno da importância do património cultural, através da realização de ações de formação, palestras e suporte para a recriação de tradições;

- Divulgar as informações recolhidas através de exposições, sessões temáticas, publicações e da disponibilização de recursos online e em papel.

Linhas de ação:

1- Criação de um serviço de biblioteca à distância, que se deslocará regularmente às pequenas localidades dos concelhos, por rotas definidas, dinamizando atividades (sessões de esclarecimento e de partilha de experiências, sessões de contos, entre outras) e levando recursos das bibliotecas.

2- Realização de um trabalho de recolha e preservação de memórias, tradições e acontecimentos que se desenvolveram durante séculos nestes territórios e que, com as mudanças ocorridas nos modos de vida e nas diversas instituições locais, sobretudo ao longo do século passado, estão em vias de desaparecer e de serem esquecidas.

Não existe qualquer estudo ou recolha deste âmbito nos três concelhos e, perante o risco de perda significativa deste importante património, é da maior importância recolher, preservar, organizar e divulgar todo um conjunto de informações e memórias destas comunidades sobre os mais diversos aspetos do seu quotidiano. Numa primeira análise considera-se importante incidir sobre diversas temáticas, organizadas em quatro elementos axiais: vida de família (organização doméstica, gastronomia, tradições, rezas, ladainhas, lendas, …); escola (acesso à escola, livros e materiais pedagógicos…); trabalho (áreas de trabalho, condições, ferramentas, técnicas…); migrações e viagens (emigrantes e imigrantes, exílios, participação na guerra) e brincar/festejar/conviver (brinquedos e brincadeiras, jogos, festejos, músicas…). É preciso, igualmente, recuperar, conservar e dar a conhecer o património documental local, sob as suas mais diversas formas (imprensa, fotografias, materiais de arquivo…), porque serão fontes de informação únicas, mas também um forte instrumento identitário de construção individual e coletiva. Este trabalho terá também uma vertente de articulação com as escolas, envolvendo professores e alunos na recolha e na ligação às populações, estreitando a ligação intergeracional e promovendo a valorização do conhecimento dos mais velhos. 

 

Autenticação

terras de monsalude logos

© Rede de Bibliotecas Terras de Monsalude

Pesquisa